Luis Carlos marca, mas William decide para o Omónia Nicósia em jogo pela Primeira Divisão do Chipre

Luís(Doxa) marca um, mas perde para o Omónia, time do zagueiro William, que fez os dois gols da equipe 


Nesse domingo (26), aconteceu o duelo entre Doxa FC e Omónia  pela Liga do Chipre, que terminou por 2 a 1.  As equipes buscavam sair da zona de rebaixamento e o Omónia se deu melhor e conseguiu alcançar a 6a posição, mesmo com um jogo a menos que o Doxa, que acabou se complicando mais ainda. O jogo contou com a presença de sete brasileiros, pelo Doxa, onde atuam os brasileiros Luís Carlos, Leandro e Neuton e no Omónia além do William, a equipe conta também com os brasileiros Kanu, Fabrício e Jailson. 


Zagueiro William, o nome da vitória do Omónia. (Foto: Divulgação)
Logo no início do jogo, o atacante Luís Carlos abriu o placar para o Doxa, mas viu o compatriota, William marcar dois gols em um intervalo de três minutos ainda na primeira etapa, os tentos garantiram a vitória do Omónia, diante da casa do adversário. 

Revelado pelo Santo André em 2009, Luís Carlos, não teve muitas chances no time do ABC paulista e nem nos outros times que passou. O atacante de 30 anos acumula também passagens por empréstimo pelo Corinthians-AL, América-SP e por último no Brasil, o Poços de Caldas-MG. Na temporada de 10/11 foi emprestado para o Gil Vicente, de Portugal, onde ele conseguiu destaque e foi comprado pelo clube. Lá ele ficou até 2012, quando iniciou sua jornada na Polonia, por onde passou por Zawisza Bydgoszcz, Korona Kielce e Zaglebie Lubin. Antes de chegar ao Chipre nessa temporada, o atacante voltou a Portugal, atuando pelo Moreirense e União Madeira. Na equipe do Doxa, o atacante tem dois gols em 10 jogos. 



O experiente defensor de 32 anos, William, no Brasil começou no São José-RS, até ir para Portugal, onde teve pouquissímas chances no Academica, Fátima, Sporting Braga B e Gil Vicente. O zagueiro chegou a ser emprestado para o Tanabi-SP, antes de rumar para o Hakoah e logo depois para o Hapoel, no futebol israelense foi onde mais atuou. Após perder espaço no time, foi emprestado para o Standard Liége, retornou para Israel e foi comprado pelo Omónia nessa temporada.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.