Fabricio Simões, ex-Penapolense, marca em vitória do Alki pela Liga do Chipre

Alki Oroklini venceu de virada por 2 a 1 o Achnas


Em jogo nesse sábado(2), o Alki conseguiu derrotar o Achnas de virada e se distanciou da zona de rebaixamento direto que são os dois últimos colocados e busca se manter na Primeira Divisão, sem precisar jogar os playoffs. Já o Achnas está cada vez mais longe de sair da lanterna do campeonato, pode terminar a rodada 12 pontos atrás do primeiro fora da degola.

Fabrício com a camisa do Alki. (Foto: JN Sport)

A equipe do brasileiro começou mal e viu o lanterna abrir o placar com o romeno Escu. Na segunda etapa o Alki fez valer o mando de campo e virou o jogo, com gols de Fabrício e Semedo. O jogo contou com a presença também do brasileiro Eduardo Pincelli, ex-Fluminense, jogador do Achnas.

O centroavante de 32 anos, Fabrício Simões, fez sua carreira quase toda fora do Brasil, atuando apenas três anos aqui onde passou por Unitri, Estrela do Norte e Penapolense. No futebol português passou por seis times, se destacando mais no União Leiria, Estoril Praia e Sporting Covilhã. Foi em 2013 para o Recreativo da Caála, equipe angolana e no futebol angolano passou também por Benfica Luanda, Petro de Luanda e Recreativo Libolo. Após quatro anos na Angola, esse ano foi para o Chipre, onde atua hoje no Alki Oroklini. Fabrício é artilheiro da equipe com nove gols em apenas 11 jogos.


Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.